Branding para micro e pequenas empresas
Postado em | por Otávio Albano | em Branding

Branding para micro e pequenas empresas

Em 2019, a METAPHOR completa 10 anos. E para iniciar nossas comemorações vamos publicar uma retrospectiva dos textos mais lidos do nosso blog. O texto de hoje é dirigido às micro e pequenas empresas, que são as que têm mais dúvidas sobre branding.

Para muitos empresários, branding é limitado ao logo de uma empresa. Mas, na realidade, branding se estende muito além da comunicação visual e toca cada aspecto de uma organização. Seus esforços de branding devem ser incorporados ao dia a dia da sua empresa e a qualquer estratégia de marketing.

E, assim como branding não se limita à marca, tampouco é exclusivo de grandes empresas. Não importa o tamanho do seu negócio, você está fazendo branding, de uma forma deliberada ou não.

Portanto, por mais que você ache que é um gasto inútil começar a planejar o branding da sua empresa, pode sair muito mais caro deixá-lo de lado. E, ao contrário do que você pensa, não é preciso um orçamento monstruoso para começar uma estratégia de branding.

Para que micro e pequenas empresas possam fazer um planejamento de branding, fiz uma lista de 11 pontos para que você comece a pensar na sua marca como um todo nesse ano-novo que se aproxima. Tente responder às perguntas de cada item por escrito e você terá um panorama geral do que sua empresa já faz em termos de branding e do que ela precisa para melhorar sua imagem e seus processos.

1. Funcionários

Como você trata seus funcionários? Que tipo de comportamento e linguagem são aceitáveis e apropriados no trato dentro da empresa e com seus clientes? Você tem regras preestabelecidas para seus funcionários em acordo com os valores e missão da sua empresa?

2. Vestimenta

Seus funcionários usam uniforme? Se não, como eles devem se vestir? Eles são comunicados em relação a suas roupas no trabalho? Caso haja uniforme, ele representa sua marca? As cores e o logo constantes no uniforme são compatíveis com a marca estabelecida em um guia de uso?

3. Contato com o cliente

Como o telefone e os e-mails da empresa são respondidos? Como visitantes e clientes são recebidos? Há um processo de atendimento ao cliente preestabelecido? Seus funcionários são treinados a lidar com problemas relativos a clientes? Como você trata comportamentos inadequados de funcionários e de clientes?

4. Imagens

Como sua empresa é representada em fotos, ilustrações e vídeos? Qual o tom das imagens (escuro, colorido, brilhante, fosco etc.)? Que imagem suas fotos e vídeos passam (felicidade, prosperidade, tristeza, preocupação etc.)? Como você fala com seu público (formal ou informalmente)? A forma como você se porta em vídeos está de acordo com o que sua empresa representa?

5. Ponto de venda

O visual da sua loja, fábrica ou escritório está consistente com a imagem da sua marca? Como seus produtos são expostos? Caso tenha vitrine, como ela é planejada? Você tem uma sinalização clara e prática na sua empresa? Quem visita sua empresa fica perdido, sem saber onde ir, ou sabe exatamente onde tudo está localizado?

6. Embalagens

As embalagens de seus produtos têm uniformidade ou parece que cada produto pertence a uma empresa diferente? O logo da sua empresa está visível e legível? As cores das suas embalagens representam a sua marca?

7. Veículos

Caso sua empresa tenha uma frota de veículos, como sua marca está representada? Os veículos estão limpos e com a manutenção em dia? Seus funcionários mantêm o interior dos veículos limpo e bem organizado? O logo da sua empresa está visível e coerente com o guia de marca? Todos os veículos têm a mesma cor ou cada um é de uma cor diferente?

8. Anúncios

Como sua empresa e seu logo são representados nos anúncios da sua empresa? Seu logo está visível e legível? As fontes usadas são uniformes em todas as peças publicitárias? As cores são padronizadas?

9. Papelaria

Seus cartões de visitas têm um visual profissional ou você pediu para a própria gráfica que os imprimiu desenhá-los? As cores do cartão são as cores da empresa? Caso tenha folders, brochuras, pastas e flyers, eles estão de acordo com a marca da empresa? Você tem uma apresentação corporativa que resume os negócios da sua empresa?

10. Website

Sua empresa tem site próprio? (Caso não tenha, esqueça o que se propaga atualmente que um site não é mais necessário, basta uma página no facebook. Empresa sem site próprio continua demonstrando falta de profissionalismo.) O seu site está atualizado? As cores do site estão de acordo com as cores da empresa? Nele é passado de forma clara o que sua empresa faz e vende? Sua declaração de missão está no site? Seu site contém erros de português? As imagens foram copiadas da internet e não possuem copyright?

11. Mídias sociais

Como sua empresa está representada no facebook, LinkedIn, Instagram e twitter? Suas imagens de perfil têm seu logo em destaque? Sua empresa responde às sugestões, dúvidas e reclamações de seus clientes? Em quanto tempo? Qual o tom de voz usado na sua comunicação online? As imagens e vídeos usados correspondem à imagem que você quer passar do seu negócio? Quem é responsável pelo conteúdo veiculado?

Mesmo que grandes empresas tenham orçamentos milionários para controlar todos os esforços e estratégias de branding, é perfeitamente possível fazer um trabalho de marca com custos menores.

Se você não pensa sobre a imagem que sua marca tem no mercado, isso diz muito sobre a forma como você trata a sua empresa. Caso você ainda não tenha percebido isso, pare para refletir sobre como você está tratando seu negócio e os rumos que você quer que ele tome daqui para a frente.


A METAPHOR BRANDING é uma agência de design especializada em criação e gestão de marcas.
Quer transformar o seu negócio? Entre em contato com a gente!

Deixe uma resposta